Mulheres denunciam líder religioso por abuso sexual | SBT BRASIL (12/01/19)

0

Quinze mulheres acusam o religioso, Antônio Marques, conhecido como “Gê Marques”, de abuso sexual mediante fraude e estupro. A polícia já ouviu o depoimento de quatro vítimas.

Ge Marques é o padrinho do templo Reino do Sol, localizado em Mairiporã, na Grande São Paulo. O culto combina umbanda com o “santo daime”, uma bebida alucinógena chamada “ayhuasca”, que é bebida pelos fiéis.

Uma jovem conta que foi abusada pelo líder espiritual aos 17 anos, durante uma vivência no templo. O religioso mandou um e-mail que pede perdão aos seguidores e reconhece que se envolveu com quem não devia ter tido aproximação íntima, afirmando que “não entendia”, na ocasião, a delicadeza do caso.

Share.

About Author

Comments are closed.